Psicologia – Perturbações Alimentares

O comportamento alimentar define-se como respostas comportamentais ou sequências associadas ao acto de se alimentar, maneira e modos, padrões rítmicos da alimentação.

Compreender o comportamento alimentar requer uma reflexão acerca “.. quem come o quê, quando, onde e porquê?”

As perturbações alimentares, são caracterizadas pela preocupação exacerbada com o peso e a forma, a perda de peso induzida por métodos inadequados, como jejum, exercício físico intenso, alimentação inadequada e uso de suplementos na busca da imagem perfeita.

As perturbações alimentares, afectam predominantemente o género feminino, mas também presente ainda em menor taxa no género masculino.

Estudos mostram a influência do ambiente familiar para determinar o comportamento das crianças e adolescentes, e consequentemente, o desenvolvimento das suas dificuldades.

Mas os meios de comunicação exercem uma forte influência, sobre o comportamento alimentar tanto nos jovens como nos adultos. Os meios de comunicação, transparece o ideal de beleza, embora contraditórios, defendem estilos de vida saudável mas ao mesmo tempo enaltece o ideal de magreza e incentiva o baixo consumo de alimentos calóricos.

Dentre das perturbações alimentares destacamos anorexia, o desejo pela magreza, o medo intenso de ganhar peso, a restrição alimentar ou inapropriada.

Principais sintomas:

  • medo de engordar, mesmo com baixo peso
  • imagem distorcida
  • desgaste dos músculo e da massa corporal

Converse connosco se:

  • está muito preocupada com o peso
  • limita a ingestão de alimentos
  • está abaixo do peso ideal

Não está sozinho, não o faça sozinho, disponha de ajuda de um profissional.

Marque Já a sua Sessão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

psicologia psicologia infantil psicologia adulto life coaching business coaching nutrição
%d bloggers like this: