Bulling – não é só na escola

O que é o bullying?

O bullying é um padrão distinto de prejudicar e humilhar os outros, especificamente aqueles que são de alguma forma menores, mais fracos, mais jovens ou mais vulneráveis ​​do que o valentão. O bullying não é uma agressão casual, é uma tentativa deliberada e repetida de causar danos a outros de menor poder.

É um estilo comportamental duradouro, em grande parte porque os agressores conseguem o que querem – pelo menos no começo. Os valentões são feitos, não nascem, e isso acontece numa uma idade precoce, se a agressão normal das crianças de dois anos não for tratada com consistência.

Quem é o valentão? Um intimidador e pode existir em qualquer ambiente – na família, no trabalho ou na escola, um cônjuge ou outro relacionamento íntimo, e às vezes um estranho.

A escola é um lugar onde as crianças podem estar vulneráveis a este tipo de abuso, crianças mais vulneráveis, sozinhas ​​são um alvo fácil para um valentão. As provocações diárias, o gozar com a aparência, a inteligência, etc. Podem-se tornar um pesadelo para uma vítima de bullying, pode fazer com que o bullying fique com medo, ansioso, deprimido e muito mais.

Depois, há o trabalho. Os colegas de trabalho podem se tornar os valentões por muitas razões, devido às suas próprias questões psicológicas, a inveja das habilidades dos outros no trabalho, especialmente quando eles são reconhecidos pelo seu trabalho e contribuição. Depois, há aqueles que simplesmente não gostam de outras pessoas e simplesmente se divertem incomodando todos.

E depois há os valentões da família. Pode ser apenas um membro da família que gosta de criar discórdia dentro da família, muitas das vezes coloca um membro da família contra o outro. Podem intimidar por razões psicológica, financeira e até sexualmente.

O bullying pode variar de contexto e actor, mas o objectivo é o mesmo, gozar com as vulnerabilidades de alguém, provocá-lo sobre questões sensíveis, o ridicularizar, o julgar e o criticar, de uma forma rude e inadequada, tanto em particular como publicamente, agredindo emocionalmente, psicologicamente e fisicamente.

Não esite, contacte-nos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

bulling o que e o bulling psicologia infantil psicologia adolescente coaching infantil coaching parental
%d bloggers like this: