Ansiedade – a importância da respiração consciente

Respirar o segredo para viver conscientemente?

Aprenda a controlar a ansiedade, o stress e a infelicidade com simples exercícios de respiração.

A ansiedade patológica é um estado crónico de preocupação e tensão severas, sem motivo aparente. Vivem em constante ansiedade de momentos futuros catastróficos, muitas das vezes preocupa-se com a saúde, o dinheiro, a família ou o trabalho. Simplesmente vivem o dia com ansiedade. Muitas das vezes são incapazes de relaxar e muitas das vezes têm problemas em dormir. As suas preocupações são acompanhadas por sintomas físicos, como tremores, contracções musculares, tensão muscular, dores de cabeça, irritabilidade, ondas de calor e sensação de tontura ou falta de ar, etc.

Quando o nível de ansiedade é leve, as pessoas podem funcionar com normalidade socialmente e manter um emprego, mas podem ter dificuldades em realizar as actividades diárias mais simples se a ansiedade for grave.

O que fazer por conta própria e controlar a sua ansiedade?

Começar a respirar, lentamente e profundamente, concentre a sua mente longe da sua mente turba e concentre-se apenas no acto de respirar. E atinja um estado de tranquilidade, de calma e de atenção plena.

Parece simples? Mas é um processo que requer esforço nos momentos de ansiedade ou ataques de pânico. Dificilmente sem preparação conseguirá executar algo tão simples como respirar, mas respirar pode salvar a sua vida.

Há milhares de anos, que as pessoas usam a arte da respiração para efeitos profundos sobre a mente e o corpo.  Alguns usam a respiração para o alívio da dor crónica, outros para lidar com a ansiedade , o stress e a depressão.  

Respirar parece tão comum que o seu verdadeiro significado pode facilmente passar despercebido por nós.  É tão mundano que muitos de nós até esquecemos como respirar correctamente, e isso tem enorme impacto na saúde e na felicidade em geral.

A respiração correcta aumenta o sistema imunológico e ajuda a livrar o corpo de toxinas e poluentes. Acalma a mente e afasta a ansiedade, o stress e a infelicidade.

Para obter uma noção do seu poder, tente este pequeno exercício: deite-se no chão com uma almofada por baixo da cabeça. Coloque as mãos no estômago. Passe um minuto ou mais sentindo-as subir e descer enquanto inspira e expira. Submeta-se ao ritmo natural da respiração. Sinta o ar à medida que entra e sai do seu corpo. Permita-se relaxar na fluidez da respiração.

À medida que a respiração aumenta e diminui, o oxigénio e os fluidos ricos em nutrientes são bombeados através do abdómen, libertando as toxinas. O movimento físico da respiração no corpo também relaxa o fígado, os rins, os intestinos, as articulações da coluna, de fato, tudo, para que sejam mantidos saudáveis, flexíveis e bem lubrificados.

A sua respiração realmente reflecte e amplifica as suas emoções. Portanto, a respiração incorrecta pode causar ansiedade, stress e até depressão.

O stress momentâneo faz com que o corpo fique tenso e que comece a respirar mais superficialmente. Uma respiração superficial reduz os níveis de oxigénio no sangue. O coração começa a correr e o cérebro sente-se em esforço.

É um ciclo vicioso.

Mas há uma alternativa. Uma respiração tranquila estimula as partes do cérebro e do sistema nervoso responsáveis ​​por criar uma sensação de tranquilidade e calma. Os pensamentos, os sentimentos e as emoções negativas vão ficando calmos, então começa a respirar um pouco mais lenta e profundamente, e começa a relaxar.

É um ciclo virtuoso.

Infelizmente, a maioria de nós respira incorrectamente. Quando está chateado, ansioso ou stressado, ou passa muito tempo sentado numa posição, o abdómen fica tenso e impede que os grandes músculos primários de trabalharem, projectando o trabalho para os músculos secundários, que apenas para suportam 20% da carga, e então eles ficam sob pressão.

Se isso continuar, pode levar a uma tensão crónica nos ombros e no pescoço, a dores de cabeça e fadiga constante e a uma respiração cada vez mais superficial.

Felizmente, para respirar correctamente, tudo o que precisa fazer é reaprender a arte de respirar.

A arte de respirar está em prestar atenção à sua respiração de uma maneira muito especial. Pode aprender o básico em alguns minutos.

As meditações de respiração são realmente muito simples, vêem-nas desnecessariamente difíceis e complicadas.

Em primeiro lugar, meditar de pernas cruzadas na posição de lótus é muito desconfortável. Não pode meditar se não estiver confortável. Respire fundo e pergunte por é que a cadeira foi inventada?

Em segundo lugar não precisa de nenhum equipamento, mantra, incenso, sinos extravagantes, aplicativos ou até mesmo uma sala silenciosa. De fato, tudo o que precisa é de uma cadeira, do seu corpo, um pouco de ar, e da sua mente – e é isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

anciedade anciedade o que fazer o que é anciedade psicologia psicologo Porto
%d bloggers like this: