Psicologia Infantil

”“Ensina

[/vc_column]
[/vc_row]

Principais motivos que deve procurar a intervenção de Psicologia Infantil?

  • Dificuldades de relacionamento e de comunicação;
  • Diefice de atenção e concentração;
  • Dificuldades de aprendizagem;
  • Dificuldades de integração;
  • Dificuldade no controlo dos esfíncters (enurese e encoprese);
  • Conduta Hiperativa;
  • Conduta Desafiante e Opositora;
  • Processo de luto;
  • Situações familiares impactantes (adopção, divórcio, maus-tratos);
  • Alterações ou distúrbios alimentares (recusa alimentar, anorexia e bulimia)…

Partilhe com os seus amigos

Com funcionam as consultas de psicologia infantil?

Primeira Consulta

Em primeiro lugar, na primeira consulta são recebidos apenas os pais da criança. Portanto, esta consulta, é recolhida a informação acerca do pedido, o motivo que leva os pais a trazerem a sua criança à consulta de psicologia. É realizada a anamnese, uma entrevista que tem como objetivo recolher informações acerca do percurso de vida da criança, para contextualizar o problema que é apresentado.

Na segunda consulta

Em segundo lugar, é realizada uma avaliação psicométrica, sendo os testes utilizados cuidadosamente selecionados, para uma melhor compreensão do problema a tratar. Estas avaliações podem ser realizadas apenas com a criança, ou com os pais.

Devolução da Avaliação 

Em terceiro lugar, na sessão seguinte os resultados da avaliação são devolvidos e explicados aos pais da criança. Podem ser dadas recomendações que ajudem a melhorar a situação e, em caso de necessidade, realiza-se um acordo terapêutico, para dar início à Psicoterapia. Este acordo inclui já um planeamento, para que os pais saibam o que se pretende trabalhar e o que devem esperar da psicoterapia.

Início da Psicoterapia – Nas consultas de psicoterapia infantil, o Psicoterapeuta estabelece uma relação terapêutica com a criança, recorrendo a brincadeiras lúdicas, a conversas e ao desenho. Esta relação auxilia a criança a enfrentar e ultrapassar as suas dificuldades e desenvolver competências necessárias para o seu desenvolvimento.

Reavaliação – Para concluir, ao fim de um determinado período de psicoterapia, realiza-se uma nova avaliação, para que seja possível compreender os resultados obtidos e as melhorias que este processo produziu na criança.

Onde estamos

Rua Alfredo Cunha nº 342, Sala 10   4450-021    Matosinhos
psicologia psicologia infantil psicologia adulto life coaching business coaching nutrição
%d bloggers like this: